fbpx
Marketing Digital

Dicas de como fazer Marketing de Conteúdo para E-commerce

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

O Marketing de Conteúdo para E-commerce é uma das melhores estratégias para alavancar vendas e criar uma identidade na web. Não importa se você tem uma loja virtual de roupas, produtos para pet ou suplementos alimentares. Produzir conteúdo de qualidade vai te ajudar em vários aspectos.

Contudo, essa estratégia, assim como qualquer outra do marketing digital, precisa ser executada de forma correta para gerar resultados.

Muita gente confunde content marketing com o branded content. No entanto, apesar de terem ligação, eles são conceitos e metodologias diferentes.

Nesse post, além de ver algumas dicas de como fazer Marketing de Conteúdo para E-commerce, você também verá a diferença dessa abordagem para o branded content.

Qual a diferença do content marketing e o branded content?

Por conta das nomenclaturas parecidas, muita gente acha que content marketing e branded content são a mesma coisa. Contudo, esses dois conceitos tem princípios diferentes.

No caso o marketing de conteúdo (content marketing) se baseia na produção de conteúdos voltados para o público. Ou seja, o grande objetivo é ajudar os consumidores a sanarem suas dúvidas e dores, e, ao mesmo tempo, desenvolver essa aproximação com a marca.

Já o branded content é mais próximo da publicidade. Isso quer dizer que o grande foco dele é a venda de determinados produtos ou serviços. Ele se apoia, principalmente, no desenvolvimento de campanhas e anúncios, e pode vir a usar o marketing de conteúdo como um tipo de ação.

Apesar desses conceitos serem bem próximos e inclusive poderem ser usados em conjunto, eles não representam a mesma metodologia. O foco de cada um e o tipo de material produzidos são diferentes.

Dicas para você fazer Marketing de Conteúdo para E-commerce

Agora que você já sabe a diferença entre esses dois métodos, vamos dar algumas dicas de como criar estratégias de Marketing de Conteúdo para E-commerce. Confira!

  • Dê atenção ao visitante que não compra

A grande maioria dos donos de lojas virtuais focam no número de vendas. Contudo, dar atenção aos visitantes que não compraram é igualmente importante.

Afinal de contas, eles têm potencial para se tornarem clientes, mas, em algum momento da jornada de compra, optaram por desistir dela. E é entendendo esses motivos que você poderá produzir conteúdos focados, que te ajudem a diminuir a taxa de desistência.

  • Não pense apenas em textos pequenos

Existe um certo mito dentro do marketing digital sobre conteúdos grandes. Muita gente acredita, incluindo agências que atuam no segmento, que os textos grandes não geram bons resultados, que se o empreendedor quiser engajamento, vendas e alcance, deve focar em textos curtos. Mas não é bem assim.

Tudo vai depender do tipo de público e de conteúdo.

Obviamente que um usuário não vai querer ler duas mil palavras de “encheção de linguiça”. Ele quer informações relevantes, que possam ajudá-lo na decisão de compra.

Por exemplo, clientes de lojas de produtos eletrônicos tendem a ler conteúdos como reviews, que são mais longos, para saber as especificações do eletrônico, suas vantagens/desvantagens, qualidade do material, recomendações de uso entre outros dados.

Logo, investir em um cronograma de conteúdos longos para esse público é uma excelente alternativa.

Por isso, não julgue o que o seu público-alvo quer, sem realmente estudar.

  • Pense no mobile

Segundo uma pesquisa do IBGE, 69% dos usuários acessa a internet pelo celular. E uma pesquisa do SPC Brasil mostrou que 74% dos usuários entrevistados usam o smartphone em pelo menos um dos passos para se comprar pela web.

Ou seja, você precisa focar no mobile.

Quando falamos de Marketing de Conteúdo para E-commerce, a maioria dos clientes vai vir de dispositivos mobile. Logo, se você não ter conteúdos, bem como uma loja virtual, responsivos, vai prejudicar seus resultados.

Na hora de produzir materiais, pense que o cliente provavelmente vai ler ele de um smartphone. Por conta disso os textos devem ser mais quebrados.

Além disso, as frases devem ser menores, e as imagens devem se auto redimensionar para ficarem com uma boa qualidade na tela.

Isso fará toda a diferença para aceitação dos materiais pelos usuários.

  • Desenvolva um calendário editorial e coloque ele em prática

Um dos maiores erros que você pode cometer quando o assunto é Marketing de Conteúdo para E-commerce é lançar posts sem qualquer planejamento. Isso só vai fazer você desperdiçar tempo e dinheiro.

Assim como a publicidade envolve uma estratégia com várias ações, o marketing de conteúdo também precisa desse planejamento. É preciso construir uma jornada de conhecimento com o cliente.

Os textos produzidos devem condicionar o consumidor até o objetivo da sua estratégia. Seja ela fortalecer a identidade da sua marca, aumentar o alcance do seu e-commerce, conseguir mais seguidores ou até mesmo promover mais vendas.

Então sente, e faça um calendário editorial baseado nos seus objetivos e dados obtidos através de pesquisas. E o mais importante, siga esse cronograma.

Claro que se alguma oportunidade surgir ao longo do caminho, você pode modificar o seu planejamento para encaixar um novo conteúdo, mas ter esse guia de postagens é essencial.

  • Tenha profissionais te ajudando

Outro erro muito comum sobre o Marketing de Conteúdo para E-commerce é achar que “qualquer um pode fazê-lo”. O vendedor que atua no atendimento via chat da sua loja virtual, dificilmente terá o conhecimento necessário para criar uma estratégia de marketing de conteúdo.

Isso porque, ela envolve uma série de aspectos. Desde o estudo das principais demandas dos consumidores, até o levantamento da melhor abordagem, tamanho de textos e tipo de linguagem.

Isso sem falar na parte de mensuração de resultados, onde é necessário avaliar uma série de métricas, e com base nelas desenvolver novos conteúdos e um planejamento aperfeiçoado.

Por conta disso é fundamental contar com profissionais te dando suporte em toda a estratégia. Somente com uma equipe qualificada será possível entender realmente o que o seu cliente precisa, e entregar isso para ele.

Quer saber mais sobre como fazer Marketing de Conteúdo para E-commerce? Então aproveite para entrar em contato com a Jazz!

Growth Hacker, especialista em performance de vendas, anos dedicado ao marketing de empresas varejo e atacado. Analista de mercado com background no mercado financeiro.

Deixe um comentário

Pin It

Assine nossa newsletter

48.000 pessoas não podem estar enganadas.

Não enviamos SPAM. Seus dados estão seguros.